Ligue Connosco

Blog

Optou pelo IRS Automático e agora tem de Pagar?

O IRS automático foi uma opção disponibilizada este ano pelo fisco, mas há contribuintes que estão agora a ser
surpreendidos por notas de liquidação com valores elevados.

Apenas os contribuintes sem dependentes e com situações fiscais mais simples, como os pensionistas e os contribuintes
com rendimentos exclusivos do trabalho dependente podiam optar pela entrega automática do IRS.

Mas ess opção parece estar a revelar-se uma armadilha para alguns, surpreendidos pela Autoridade Tributária para
acertarem as contas e com notas de liquidação de valor elevado para o seu rendimento.

Até ao final do mês de Julho, o fisco vai contactar os contribuintes indicando, por carta, os dados relativos aos acertos do
IRS e se o contribuinte vai ser reembolsado ou se vai ter que pagar.

Se for surpreendido por um montante elevado, o que pode fazer?

- No prazo de 30 dias, vai ao Portal das Finanças e preenche uma declaração de substituição. Ao mesmo tempo tem de pagar
o valor apurado pela Autoridade Tributária e que está escrito na nota de liquidação.

- Pode também, dirigir-se à repartição das Finanças, o quanto antes. Ao tratar-se de um erro da Autoridade Tributária, as Finanças
podem anular a nota de liquidação, enquanto dá entrada a declaração de substituição para regularizar a situação.

- No serviço das Finanças, deve pedir, também, a anulação da declaração do IRS anterior.

27.07.2017_Administrador | IRS
DESIGN | T1 DesignLabDESENVOLVIMENTO | 3GNTW